Ciclista brasileira fica em 18º em prova contra o relógio e promete medalha para Rio-2016

A brasileira Clemilda Fernandes, que competiu nesta quarta-feira na prova da competição feminina de ciclismo contra o relógio feminino, prometeu que quer brigar por medalhas nos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

"Em 2016, em meu país, eu vou lutar por uma medalha", afiançou a competidora, que foi apenas a 18ª colocada entre as 24 ciclistas inscritas para correr o percurso de 29 km pela capital britânica.

A brasileira cravou a marca de 41m25s39, quase quatro minutos acima do tempo da norte-americana Kristin Armstrong, que com seus 37m34s82 garantiu o bicampeonato olímpico. A prata ficou para a alemã Judith Arndt (37m50s29), e o bronze foi para russa Olga Zabelinskaya (37m57s35).

Cremilda admitiu que lhe falta "alguma experiência no contra o relógio" e que veio para Londres na expectativa de fazer uma boa competição no ciclismo em estrada, uma meta que não conseguiu cumprir por ter sofrido duas quedas no percurso, no último sábado. Nesta prova, a brasileira completou na 23ª colocação. "Eu me esforcei para correr bem na [prova de] estrada, mas eu tive azar com as duas quedas."

Brasileiros em Londres - 5º dia
Brasileiros em Londres - 5º dia