Péssima organização e desempenho fraco de atletas resultam nos piores Jogos da história

A Olimpíada de Saint Louis, nos Estados Unidos, entrou para a história como a pior de todos os tempos. A péssima organização do evento e o baixo desempenho dos atletas fizeram dos Jogos um espetáculo deprimente, beirando o ridículo.

Desde a escolha da cidade sede até o encerramento, os Estados Unidos decepcionaram. Contrariando o Barão de Coubertin, presidente do Comitê Olímpico Internacional, o presidente dos Estados Unidos, Theodore Roosevelt, impôs a cidade de Saint Louis, ignorando Chicago, que apresentava melhores condições para abrigar os Jogos.
 
Roosevelt escolheu a pequena cidade do Estado do Missouri por causa da Feira Mundial de 1904. Como nos Jogos de Paris, quatro anos antes, os Jogos Olímpicos ficaram em segundo plano.
 
Apenas 12 países mandaram representantes para os EUA. A interferência política fez com que Coubertin ficasse decepcionado com os organizadores dos Jogos. Apesar de todos os pedidos do presidente Roosevelt, o francês se recusou a comparecer à cerimônia de abertura daquela Olimpíada. A França também não participou do evento, que ficou ainda mais esvaziado, já que a maioria dos comitês nacionais europeus decidiu não bancar a viagem transatlântica até os EUA.
 
O lado positivo da Olimpíada de Saint Louis ficou por conta da estreia do continente africano na competição, representado por atletas sul-africanos que estavam de passagem pela Feira Mundial. E, pela primeira vez nos Jogos Olímpicos, os vencedores foram premiados com medalhas de ouro, os vice-campeões levaram a prata e os terceiros colocados, o bronze. 
 
Domínio norte-americano
 
Com poucos países, o número de atletas caiu quase pela metade em relação aos Jogos Olímpicos de Paris-1900. Apenas 651 participaram da Olimpíada de Saint Louis-1904, contra os 997 de Paris. Os Estados Unidos tinham a maior delegação, com 75% dos atletas participantes.
 
Nessas condições, os norte-americanos dominaram a competição, ficando com 85% das medalhas em disputa (recorde até hoje). Das 91 provas dos Jogos de Saint Louis, somente 42 incluíram atletas que não eram dos Estados Unidos (51 do Canadá e 105 dos outros países).
 
Para tentar atrair um público maior, os organizadores decidiram também realizar paralelamente os Jogos Antropológicos, uma grotesca competição de tribos indígenas que incluía os pigmeus da África, os índios cocopas do México, os moros das Filipinas e os pehuenches da Patagônia, entre outros. O triste exemplo de racismo acabou banido da Olimpíada.
 
A falta de organização dos Estados Unidos ficou evidente na maratona. Dos 32 corredores que se inscreveram, representando cinco países, apenas 14 conseguiram completar a prova. O percurso incluía sete morros e transitava por ruas de terra. Não bastasse o brutal percurso, a prova ainda foi disputada à tarde, com temperatura de 32 graus.
Classificação de 1904
  País Ouro Prata Bronze  
Estados Unidos 77 81 78 236
Alemanha 4 4 5 13
Cuba 4 2 3 9
Canadá 4 1 1 6
Hungria 2 1 1 4
Reino Unido 1 1 0 2
Times mistos 1 1 0 2
Grécia 1 0 1 2
Suíça 1 0 1 2
10º Áustria 0 0 1 1

Ficha

Países participantes
12
Número de modalidades
18
Número de atletas
651 (645 homens, 6 mulheres)
Participação do Brasil
não participou
Data de abertura
01 de Julho de 1904
Data de encerramento
23 de Novembro de 1904

PÔSTER E MEDALHA

Já conhece os de Londres-1908? Confira

UOL Cursos Online

Todos os cursos